Eu como florista, particularmente amo fazer buquês de noiva! Sinto uma emoção indescritível ao ver uma noiva segurando um buquê que eu mesma fiz! Por isso, gosto de tratar os buquês como joias que complementam o visual da noiva e que com certeza traduzem muito da sua personalidade.

Mas bem, isso é assunto para outro post. Hoje falaremos das flores usadas como adornos além do buquê como guirlandas, arranjos de cabelos ou até mesmo colares, dependendo é claro, do estilo e da personalidade de cada uma.

Para os convidados que compõe o cortejo da cerimônia, os tradicionais buquês de dama de honra vêm ganhando versões mais descontraídas e inusitadas como os buquês de doces ou os em formato de bolsinhas.

Já as damas adultas (chamadas de demoiselles), uma influência americana que está super em alta no Brasil, podem portar buquês, corsages ou ramos de flores nos cabelos ou como detalhes nas roupas. Normalmente esses detalhes devem remeter em cores ou flores ao buquê da noiva, já que se traduzem como uma ligação entre elas. Não gosto de miniaturas exatas do buquê da noiva, pois acredito que essa peça deve ser única da noiva, sendo assim, prefiro manter as mesmas cores mas com algumas flores diferentes.

As boutonnières masculinas, usadas frequentemente no passado pelas elites inglesa e francesa tornaram-se peça para uso exclusivo em eventos. A forma correta de coloca-la é na lapela do paletó, do lado esquerdo e presa com um alfinete. Coloca-la dentro do bolso ou no furinho da gola do paletó não é aconselhável. Para os noivos mais moderninhos e descontraídos, as tradicionais lapelas com cravos vermelhos e brancos podem ser substituídas por composições florais um pouco maiores ou por detalhes inusitados como origamis, bonequinhos de super-heróis ou bichinhos. Já os noivos mais tradicionais, devem optar por cores e flores que compõe o buquê da noiva.

Os padrinhos devem ter um arranjo diferente do noivo, sobretudo, quando esses usam a mesa cor de roupa, pois o que  irá diferencia-los é exatamente a boutonnière.

 

1f1aa1735f4fae4686783c13690d8e35 87b487871016ee5a443cc2fca6138595 344d5139f5a5f476beb6a51c0c7f6028 474c8f56c8796f68f6cf56e97c9b9e55 004622ac073a6f9d40cf5912ef8f99be 8777a9a8885313da745c5ba7854a3eeb 8777aad23b5052c5bc62c0bcb9a0c878 11910356_418573905011437_2027717696_n 287787871430808 b4f7b7c1163ec8b37945db649e139924 bc4135c854e972bb0618aaa721c5659e (1) bd2fba8d7e7015d6d3b4e8df6e23c7c1 bdcc9e08945ce417f57a9fd079edd992 buque rosa detalhe d45d3ce84fae57c5a9369490775d99a2TF177_1_EHd9061764a45ee3346028abe033980ea5f10d714225b01f903c39b5931b712049  foto-2flower-girl-accessories-0003

SONY DSC

Imagens 1 a 20: Reprodução Pinterest

Imagem 21: Minha autoria

<<< Voltar para a HOME

The following two tabs change content below.
A paixão pelas flores surgiu ainda na época da faculdade. Engenheira Agrônoma, procurei orientar minha formação para trabalhos com flores e paisagismo. Graças a escola vivi durante três anos na França estudando artes florais e vinhos. Hoje sou proprietária da A Casa das Flores, uma floricultura com uma proposta diferente: eventos especiais e composições florais que tenham alma e jeitinho de bossa... Minha loja é o meu mundo verde e as flores são meu jeito de olhar a vida. Acesse o site da A Casa das Flores e a nossa página no Facebook!

Latest posts by Thaisa (see all)